Jeremoabo: mulher é esfaqueada até a morte no Povoado Tapera

O fato aconteceu na tarde de ontem (24) por volta das 16h30min, e após o crime o assassino evadilce do local sem deixar pistas.
Por Márcio Lima
Da redação Jeremoabo Notícias

Mais um assassinato foi registrado no município de Jeremoabo – BA. Desta vez o caso aconteceu no Povoado Tapera, onde segundo informações da polícia, a dona de casa Lucielma Oliveira de Jesus teria sido esfaqueada até a morte pelo seu então companheiro conhecido como Tonheco. 

O fato aconteceu na tarde de ontem (24) por volta das 16h30min, e após o crime o assassino evadilce do local sem deixar pistas. 

A polícia não sabe o que motivou o crime, porém informações dão conta de que o marido não aceitou o fim do relacionamento e matou a companheira. A polícia está investigando o caso.
Mais informações...

Santa Brígida - BA: mototaxista é morto com dois tiros

O caso foi registrado no povoado Poço da Carteira.
Um mototaxista identificado como Marcelo  Barbosa da Silva, 33 anos, foi morto a tiros, na noite desta quinta-feira (21), por volta das 18h30min, no povoado Poço da Carteira, zona rural de Santa Brígida- BA. De acordo com a Polícia Militar, a vítima que residia no povoado KM 40, foi atingida por dois disparos.
A Polícia Militar foi acionada para verificar a denúncia de uma vítima de disparos de arma de fogo. No local, os policiais encontraram o homem morto com dois tiros na região das costas.
A guarnição isolou o local até a chegada da equipe do Departamento de Polícia Técnica que esteve no local e conduziu o corpo para o IML de Paulo Afonso para ser necropsiado e posteriormente liberado.
Policiais realizaram buscas pelas proximidades do local, mas nenhum suspeito foi localizado. A polícia neste momento descarta a hipótese de latrocínio (roubo seguido de morte), já que a moto da vítima e seus pertences não foram levados. O caso será investigado.
Chico sabe tudo
Mais informações...

Homem é preso por espancar mulher e obrigar criança a comer fezes na BA

A mulher foi quem registrou a ocorrência. Em depoimento, ela contou que era mantida com os filhos em cárcere privado em casa desde domingo (17).
Maicon Alves dos Santos de 27 anos foi preso em flagrante no município de Conceição do Jacuípe, a cerca de 317 quilômetros de Jeremoabo, após torturar e manter em cárcere privado a mulher e os dois filhos dela. De acordo com informações da delegacia local, a mulher contou que, além das agressões, o homem ainda obrigou um menino de 3 anos a comer fezes e beber urina. Segundo a polícia, o suspeito das agressões morava com a mulher e os filhos dela desde quando se conheceram, há dois meses.

A polícia prendeu o suspeito na quarta-feira (20), após denúncias anônimas. Ontem (21), a polícia informou que o homem foi encaminhado ao presídio da cidade de Feira de Santana, a 100 quilômetros da capital.
Conforme a delegacia de Conceição do Jacuípe, a mulher foi quem registrou a ocorrência. Em depoimento, ela contou que era mantida com os filhos em cárcere privado em casa desde domingo (17). O motivo não foi informado pela polícia.
A mulher tinha várias escoriações por causa das agressões sofridas. Segundo a polícia, o menino de 3 anos estava com marcas de pancadas na cabeça. A filha da mulher, uma menina de seis anos, também foi mantida em cárcere e era constantemente ameaçada, segundo relato da mãe. O suspeito teria dito até que iria jogar a menina numa cisterna.


Segundo a polícia, o homem vai responder pelos crimes de cárcere privado e tortura. Ainda de acordo com a polícia, o Conselho Tutelar da cidade está acompanhando o caso.

G1 BA
Mais informações...

Ativistas americanos criam “Bíblia Gay” e geram polêmica

Queen James diz que o grupo trabalha para fazer correções do que eles chamam de erros de interpretação dos escritos cristãos.
Um grupo de ativistas LGBT dos Estados Unidos tem gerado polêmica com grupos religiosos conservadores. Liderados por Queen James, que é homossexual, eles criaram e estão comercializando Bíblia Queen James, que está sendo chamada de “Bíblia Gay”. Em entrevistas a jornais americanos, Queen James diz que o grupo trabalha para fazer correções do que eles chamam de erros de interpretação dos escritos cristãos.

No total, oito passagens sofreram alterações. Em Coríntios 6:9-10, um dos trechos mais usados por grupos para indicar que a homossexualidade é pecado, eles mudaram duas palavras. Quando se afirma que “efeminados” e “sodomitas” não herdarão o reino de Deus, eles substituíram a primeira por “moralmente fracos”, e a segunda por “promíscuos”.  justificativa, segundo Queen James, é que os termos atualmente usados foram maus interpretados de traduções feitas do grego.
Correio24horas.com.br
Mais informações...

Pai se passa por filha de 11 anos, marca encontro e suspeito de pedofilia é espancado

Segundo o pai, populares começaram a agredir o suspeito até a chegada da Polícia Militar.
Um homem de 28 anos, suspeito de pedofilia, foi espancado na rodoviária de Mogi das Cruzes, em São Paulo, na tarde deste sábado (16), depois de ter marcado um encontro com uma criança de 11 anos através do Whatsapp. Na verdade, quem trocava as mensagens com ele eram o pai e a madrasta da garota, que tiveram acesso ao teor das conversas iniciadas no final do mês passado.

De acordo com o G1, o pai da menina contou na delegacia que na madrugada de 27 de março um estranho fez contato com o celular da filha dele pelo Whatsapp. Segundo ele, havia a mensagem “oi” e a foto de um pênis. O pai ainda relatou que a filha viu a mensagem por volta das 10h e entregou o celular para a madrasta, que respondeu “oi, quem é?”.

Ainda de acordo com o pai, houve resposta apenas às 11h19. Segundo o boletim de ocorrência, a madrasta se passou pela criança e começou a conversar com o suspeito. O pai disse que ele próprio também se passou pela filha na tentativa de descobrir o que o homem queria com a criança. Desde então, segundo o pai, a criança não falou com o suspeito. Ainda de acordo com o pai, as conversas foram se prolongando e o homem pedia abertamente fotos da menina pelada, perguntava sobre o corpo, etc.

Segundo o pai, na madrugada deste sábado, o homem propôs um encontro e eles marcaram na rodoviária. O suspeito chegou a mandar uma foto do próprio busto para ser reconhecido. Na hora marcada, a madrasta e o pai esperavam o homem no terminal, perto do banheiro. A madrasta falava com o suspeito ao telefone se passando pela criança. Quando ficou frente a frente com a madrasta, o pai relatou que o suspeito gesticulou como se fosse abraçá-la e foi segurado.

O pai acrescentou que pessoas que passavam pelo local perguntaram o que estava acontecendo e a madrasta disse: “pedófilo!”. Segundo o pai, populares começaram a agredir o suspeito até a chegada da Polícia Militar. O pai disse que tentou evitar a agressão porque já havia chamado a polícia, mas havia uma dez pessoas agredindo o homem. Ele relatou à polícia que “fez o que pode para tentar evitar a agressão pois seu objetivo era a prisão do indivíduo.”

O caso foi registrado no 1º Distrito Policial de Mogi das Cruzes com base no artigo do Estatuto da Criança e do Adolescente que trata de “aliciar, assediar, instigar ou constranger.” O suspeito não foi levado para a delegacia porque precisou ser hospitalizado no Hospital Luzia de Pinho Melo, mas no boletim de ocorrência consta que ele é “averiguado”.

 O pai da menina levou para a delegacia os pertences do suspeitos, que incluiam celular com dois chips, chip avulso, preservativos e bolsa de pano, que serão encaminhados para perícia.

Correio24horas.com.br
Mais informações...